Abertura da 21ª Pan-Amazônica do livro em Belém-PA

Geraldo Julio acompanha mutirão Recife em Ação no Coque
27 de maio de 2017
Ato contra as ações da prefeitura de São Paulo na Cracolândia
27 de maio de 2017
564
Compartilhe

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto "Poesia e Música" teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias. FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ DATA: 26.05.2017 BELÉM - PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do livro que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha (foto). A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

O secretário de Estado de Cultura Paulo Chaves (foto) ressaltou que a Feira chega até sua maturidade depois de enfrentar muitas dificuldades e ser realizada em espaços alternativos até ocupar seu espaço definitivo que é o Hangar Convenções e Feiras da Amazônia. Para Paulo Chaves, homenagear a poesia significa homenagear a liberdade de pensamento. “Imaginar um lugar onde para visitar não precisa de vistos e nem passaporte, um lugar onde tudo vale quando a alma não é pequena”, fazendo referência ao autor português Fernando pessoa.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do livro que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do livro que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do livro que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias. Na foto, o escritor Cláudio Cardoso.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) foi a grande atração de abertura da XXI Pan-Amazônica do Livro (foto) que aconteceu na noite desta sexta-feira (26). O concerto “Poesia e Música” teve a regência do maestro titular Miguel Campos Neto e participação da cantora lírica paraense Carmen Monarcha. A XXI edição da Feira Pan Amazônica do Livro aguarda, em 2017, 400 mil visitantes e uma movimentação financeira de R$ 14 milhões durante seus 10 dias.
FOTO: RODOLFO OLIVEIRA / AG. PARÁ
DATA: 26.05.2017
BELÉM – PARÁ