Ação de despiche realizada na Praça do Gaúcho, em Curitiba

Jardinagem auxilia na recuperação de mulheres em situação de prisão no Acre
29 de março de 2014
Foto: Max Haack/ Agecom
Salvador, a primeira capital do Brasil completa 465 anos hoje
29 de março de 2014
511
Compartilhe
Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Curitiba- PR, 28/03/2014- Doze adolescentes, com idades entre 13 e 17 anos, trabalharam na tarde desta sexta-feira (28) no “despiche” de uma parte da Praça do Gaúcho (Praça do Skate), em Curitiba. Promovida pela Secretaria Municipal da Defesa Social e Guarda Municipal, a medida tem caráter socioeducativo e envolve adolescentes flagrados durante pichações. Algumas mães acompanharam a despichação, que foi a segunda ação do gênero este ano.

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Curitiba- PR, 28/03/2014- A ação prática é sempre precedida de uma palestra da Guarda Municipal para pais e adolescentes infratores. O diretor da Guarda Municipal, inspetor Cláudio Frederico de Carvalho, lembra que uma das orientações mais importantes é conscientizar e esclarecer pais e adolescentes de que “toda ação gera uma reação, todo ato contrário à norma judicial tem uma conseqência”.

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Curitiba- PR, 28/03/2014- A execução da medida tem o apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, do Ministério Público, da Associação Comercial do Paraná, da Associação de Condomínios Garantidos do Brasil (ACGB), além de comerciantes e empresários. Para esta segunda ação de despichação, empresários e comerciantes da região fizeram a doação de quatro latas de tinta, de 18 litros cada, para que os adolescentes participantes pudessem realizar a pintura da pista de skate e de parte de um dos muros do Cemitério Municipal.

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Curitiba- PR, 28/03/2014- De acordo com o inspetor Frederico, os pichadores em geral têm entre 13 a 36 anos, a maioria é do sexo masculino, com ensino médio e superior. O inspetor lembra que o ato de pichar e a venda de spray para menores são crimes, e que a venda deve ser feita dentro dos critérios estabelecidos. “Os compradores precisam ser cadastrados, no ato da compra, como acontece com a venda de alguns tipos de medicamentos. Pretendemos passar a cobrar que esse cadastro seja feito”.

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Curitiba- PR, 28/03/2014- Desde o início da campanha Pichação é Crime, em 2012, triplicou o número de denúncias de pichação pelo número 153 da Guarda Municipal. No ano passado, a multa para quem é flagrado no ato da pichação passou de R$ 714,29 para R$ 1.693,84.

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)

Foto: Everson Bressan/ SMCS (28/03/2014)