Aldenor Basques Félix Gutchicü, vice-cacique da comunidade Wotchimaücü, do povo Tikuna, morreu com suspeita de Covid-19

Manaus – Realocação dos indígenas Warao.
1 de maio de 2020
Presidente chileno recebe doação da China de ventiladores mecânicos
1 de maio de 2020
547
Compartilhe

Manaus 01 05 2020-Manaus (AM) – Aldenor Basques Félix Gutchicü, vice-cacique da comunidade Wotchimaücü, do povo Tikuna, morreu com suspeita de Covid-19, em sua casa no bairro Cidade de Deus, na zona norte de Manaus. A família aguardou por mais de sete horas para que o corpo do indígena fosse retirado da igreja evangélica, onde ficou acomodado em três mesas de plástico, pelo serviço SOS Funeral, da Prefeitura de Manaus. À meia-noite de ontem os restos mortais do cacique foram levados pelos funcionários para uma câmara frigorífica do cemitério municipal Nossa Senhora Aparecida, no bairro Tarumã, na zona oeste da cidade. No local, Aldenor foi sepultado ontem, às 15h30, em uma vala coletiva, onde são enterradas as pessoas que não podem pagar por um caixão.( (Foto: (Foto:Fernando Crispim/Amazonia Real

:Fernando Crispim/Amazonia Real

Aguinilson Tikuna)

:Fernando Crispim/Amazonia Real