Aplausos e flores marcam enterro do cineasta Eduardo Coutinho, no Rio de Janeiro

Nevasca em Nova York
3 de fevereiro de 2014
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil (03/02/2014)
Mercadante passa o cargo para José Henrique Paim
4 de fevereiro de 2014
944
Compartilhe
Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Rio de Janeiro- RJ, 03/02/2014- Sob aplausos de amigos e colegas de profissão e de  uma chuva de pétalas de rosas vermelhas, o caixão com o corpo de Eduardo Coutinho começou a ser enterrado na Quadra 21  Gaveta 06 do Cemitério São João Batista, em Botafogo, às 16h25.

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Rio de Janeiro- RJ, 03/02/2014- O ator Antonio Pitanga, amigo do cineasta, gritou as palavras de ordem: “Companheiro Eduardo Coutinho, presente!”, às quais todos responderam: “Presente!”. A chamada se repetiu inúmeras  vezes, sob constantes aplausos.

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Rio de Janeiro- RJ, 03/02/2014- Abraçado à mulher, Pedro Coutinho  aguardou chorando o fechamento total do túmulo.

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Rio de Janeiro- RJ, 03/02/2014- Eduardo Coutinho, morto ontem (02/02), aos 80 anos, a facadas, em seu apartamento, no bairro da Lagoa, zona sul do Rio de Janeiro. Segundo a polícia, outro filho de Coutinho, Daniel, de 41 anos, é o principal suspeito do crime.

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil