Depois de barrados no Senado, indígenas cobram respeito a direitos conquistados

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Policiais militares protestam em frente ao Palácio dos Bandeirantes em São Paulo
1 de outubro de 2013
Foto: Edson Lopes Jr./ GESP
AMEs do estado de São Paulo ampliam atendimento aos sábados a partir desta semana
1 de outubro de 2013
450
Compartilhe
Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

A audiência pública da Comissão de Direitos Humanos do Senado com a participação de indígenas hoje (1º), com o objetivo de falar das conquistas nos 25 anos da Constituição, terminou em protestos. A presidenta da comissão, senadora Ana Rita (PT-ES), iniciou a reunião depois de duas horas de atraso com um pedido de desculpas aos índios por eles terem sido barrados na entrada do Senado pela Polícia Legislativa. Só depois de muita negociação e da autorização do presidente da casa, Renan Calheiros (PMDN-AL), o grupo foi liberado sob condição de deixar na entrada arcos, flechas e instrumentos musicais. “Nunca tinha presenciado uma situação tão constrangedora para um senador da República” disse o senador João Capiberibe.

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

A audiência pública da Comissão de Direitos Humanos do Senado com a participação de indígenas hoje (1º), com o objetivo de falar das conquistas nos 25 anos da Constituição, terminou em protestos. A presidenta da comissão, senadora Ana Rita (PT-ES), iniciou a reunião depois de duas horas de atraso com um pedido de desculpas aos índios por eles terem sido barrados na entrada do Senado pela Polícia Legislativa. Só depois de muita negociação e da autorização do presidente da casa, Renan Calheiros (PMDN-AL), o grupo foi liberado sob condição de deixar na entrada arcos, flechas e instrumentos musicais.

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil