Cais do Valongo é reconhecido como Patrimônio da Humanidade

Zveiter dá parecer favorável à admissibilidade da denúncia
11 de julho de 2017
Novak Djokovic está nas quartas de final em Wimbledon
11 de julho de 2017
637
Compartilhe

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Afoxé Filhos de Gandhi cantam na celebração que comemora o reconhecimento do Cais do Valongo como Patrimônio da Humanidade pela Unesco Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Afoxé Filhos de Gandhi cantam na celebração que comemora o reconhecimento do Cais do Valongo como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O compositor Rubem Confete canta na celebração que comemora reconhecimento do Cais do Valongo como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Celebração comemora reconhecimento do Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas, como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Afoxé Filhos de Gandhi cantam na celebração que comemora o reconhecimento do Cais do Valongo como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Afoxé Filhos de Gandhi cantam na celebração que comemora o reconhecimento do Cais do Valongo como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Religiosa observa celebração que comemora o reconhecimento do Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas, como Patrimônio da Humanidade
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Visitantes observam o Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas, agora reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Visitantes observam o Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas, agora reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco.
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

10/07/2017- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O Cais do Valongo, principal porto de entrada de escravos nas Américas é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil