Caño Cristales, o rio colorido da Colômbia

Foto: Tiago Silva/ GESP (06/12/2013)
Governo de São Paulo quer ampliar participação de negros, pardos e indígenas no serviço público
7 de dezembro de 2013
Foto: Stephen Jaffe/ IMF
Christine Lagarde, diretora do FMI, encontra-se com Aung San Suu Kyi, ganhadora do Prêmio Nobel da Paz de 1991
7 de dezembro de 2013
1392
Compartilhe
Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

O rio Caño Cristales, que fica no parque nacional Sierra de la Macarena, na cidade de Meta, sudeste da Colômbia, muda de cor, devido as algas alojadas em seu leito.

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

O rio também é conhecido como “o rio que escapou do paraíso”, “arco-íris derretido” e até como “o rio mais bonito do mundo”.

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Suas cores mudam conforme as estações, devido as suas algas e plantas aquáticas, que são as responsáveis pelos tons que se mesclam na água: vermelho, amarelo, azul, verde e preto.

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)

Foto: Mario Carvajal/ Wikimedia Commons (30/09/2012)