Centenas de objetos astronômicos são visíveis neste Quadro da Semana do ESO, incluindo aglomerados de estrelas, nebulosas, nuvens de poeira e outras galáxia

SUPERLIGA CIMED 18/19: Vôlei Renata vence São Judas Voleibol no encerramento da rodada
14 de janeiro de 2019
Chegada de Cesare Battisti no Aeroporto de Ciampino na Itália
14 de janeiro de 2019
382
Compartilhe

Centenas de objetos astronômicos são visíveis neste Quadro da Semana do ESO, incluindo aglomerados de estrelas, nebulosas, nuvens de poeira e outras galáxias – mais notavelmente as Grandes e Pequenas Nuvens de Magalhães, visíveis no canto superior direito. No entanto, algo muito mais perto de casa está competindo pela nossa atenção. À direita da imagem, um arco prateado cruza o céu. Este arco é na verdade composto por duas linhas espaçadas, causadas pela luz do sol refletida nas antenas de dois satélites de comunicação Iridium atualmente em órbita da Terra.
Crédito:P. Horálek / ESO / CTAO

Crédito:P. Horálek / ESO / CTAO