Com a chegada do mês de agosto, o Corpo de Bombeiros Militar do Pará intensifica os alertas de prevenção para o período de maior índice de fogo em vegetação

O Estado prepara-se para combater focos de queimadas e incêndios neste segundo semestre, quando o tempo mais seco
22 de agosto de 2019
O presidente Jair Bolsonaro,durante entrevista na saída do palácio da Alvorada em Brasilia
22 de agosto de 2019
297
Compartilhe

Pará 21 08 2019 Com a chegada do mês de agosto, o Corpo de Bombeiros Militar do Pará intensifica os alertas de prevenção para o período de maior índice de fogo em vegetação. A união do tempo seco, com a ação humana, são as principais causas dos incêndios florestais registrados no Estado. Dados do Grupamento de Bombeiros Militar de Santarém mostram que em 2018, das 483 ocorrências de incêndios atendidas, 281 foram incêndios em áreas de vegetação, com o início em agosto e ápice em outubro-foto Twitter dos Bombeiros do Pará

Twitter dos Bombeiros do Pará

Twitter dos Bombeiros do Pará

Twitter dos Bombeiros do Pará