Coronavírus: o Grupo BID desembolsará um recorde de US $ 1,8 bilhão este ano para a Argentina

Sessão solene (remota) do Congresso Nacional destinada à promulgação da Emenda Constitucional nº 106 de 2020
7 de maio de 2020
O Dólar a caminho dos seis reais bateu novo recorde nesta quinta-feira (7), cotado a R$ 5,8459, em alta de 2,51%.
7 de maio de 2020
190
Compartilhe

O presidente Alberto Fernández recebeu hoje o apoio do Grupo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (Grupo BID), que desembolsará US $ 1,8 bilhão este ano para ajudar a mitigar as consequências sanitárias, sociais e econômicas da pandemia de coronavírus COVID-19 no país. É a maior quantia de assistência financeira que a agência fornece à Argentina nos últimos 10 anos.

Isso foi anunciado pelo chefe do BID, Luis Alberto Moreno, durante uma videoconferência que realizou com o presidente argentino nesta manhã.

Casa Rosada