COVID-19: Um olhar sobre Havana

Governo Federal reconhece estado de emergência em Porto Alegre.
2 de abril de 2020
Augusto Aras com ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta
2 de abril de 2020
225
Compartilhe

Dessa forma, a vida cotidiana nas ruas de Havana passou na sexta-feira. É claro que parte da população tomou conhecimento do uso do nasobuco quando sai para a rua para realizar procedimentos diferentes, bem como andar de transporte público, como o governo cubano insistiu em seu constante apelo a enfrentar a pandemia de COVID-19.

No entanto, a multidão de pessoas nas filas continua sendo percebida, como o exemplo do mercado de Cuatro Caminos.

Essa é apenas uma pequena parte da vida cotidiana dos cubanos em um cenário de crise como o que o novo coronavírus levantou globalmente. A resposta de muitas pessoas ao chamado das autoridades para não sair de casa poderia ser melhor, a menos que seja essencial.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.

Foto: Ismael Francisco/ Cubadebate.