Creches municipais de São Paulo, terão atendimento nas férias de janeiro

Seminário Pacto pela Boa Governança: Um Retrato do Brasil
17 de novembro de 2014
Governador do Acre, Tião Viana, visita a cidade Tarauacá, que foi atingida por enchente
17 de novembro de 2014
919
Compartilhe
Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- O atendimento nas creches durante o período de férias em janeiro envolverá unidades diretas, indiretas e conveniadas. De acordo com a demanda apresentada pelos pais, as Diretorias Regionais de Ensino organizarão a abertura dos Centros de Educação Infantil. Operação ocorre de 5 a 30 de janeiro e poderá envolver todas as mais de 1.600 creches da rede. “É um esforço enorme de compatibilização dos direitos dos trabalhadores da educação com o direito sobretudo das mães trabalhadoras que dependem de uma assistência por parte do município para continuarem seu trabalho”, afirmou Haddad, em visita nesta segunda-feira (17) ao Centro de Educação Infantil Vovô João Plasa, localizada no Tremembé, zona norte.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- A inscrições para o atendimento de férias serão realizadas até a primeira quinzena de dezembro nas próprias unidades. “A partir desta semana, com a publicação de uma portaria, começam as inscrições. Os responsáveis pelas creches vão conversar com as famílias”, disse o secretário César Callegari (Educação). “Em junho deste ano nós abrimos [para o período de férias de julho] mais de mil creches para que elas pudessem ser postas à disposição de 95 mil crianças que foram inscritas. Só que apenas 45 mil apareceram. Isso não pode acontecer. Porque isso custa para todo mundo”, afirmou Callegari. Além disso, segundo o secretário, o período de convivência com a família nas férias é muito importante para o desenvolvimento infantil.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- Os profissionais que trabalharem no período tirarão férias em outros meses do calendário escolar. Os professores de Educação Infantil interessados deverão se inscrever até o dia 26 de novembro, conforme a ficha publicada no Diário Oficial da Cidade de 15 de novembro. Na inscrição, os educadores poderão escolher se querem atuar por 15 dias (entre 5 e 16 de janeiro ou entre 19 e 30 de janeiro) ou o período completo. Os profissionais de Educação da rede direta que atuarem nas férias receberão pontuação para fins de evolução funcional.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- A unidade visitada pelo prefeito Haddad nesta manhã começou a funcionar em outubro de 2014 e é uma dos maiores da rede municipal, com 501 vagas, sendo 306 de berçário e 195 de mini grupo. A creche, administrada pela associação Novo Horizonte da Cidade Tiradentes, conta com 20 salas de aula, cozinha, refeitório, lactário, fraldário, brinquedoteca e parques coberto e descoberto. “Eu e o secretário de Educação temos feito toda semana uma visita a uma nova unidade educacional, para avaliar não só a evolução quantitativa mas para avaliar a questão qualitativa das unidades, se os novos equipamentos estão em sintonia com os desejos da comunidade”, disse Haddad, na abertura de conversa com cerca de 80 pais e educadores da escola. Nos últimos dois anos, a área de Jaçanã e Tremembé recebeu oito novos Centros de Educação Infantil, que criaram cerca de 2.000 vagas.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- Durante o encontro, Haddad falou sobre o programa de Proteção Escolar, que levará guardas civis metropolitanos para trabalhar em sistema de atividade complementar nas unidades escolares. “As inscrições estão abertas. Vamos cuidar de algo muito importante que é a segurança das nossas crianças. Vamos ampliar a jornada de quem puder, colocando os guardas nas escolas”, afirmou Haddad.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- Os GCMs voluntários poderão trabalhar até oito horas diárias, fora do horário de expediente, por até dez dias, totalizando 80 horas por mês. A remuneração é de R$ 20 por hora, podendo somar até R$ 160 por dia de trabalho. Inicialmente serão oferecidas 1.500 vagas e segundo a Secretaria de Segurança Urbana, os guardas vão atuar inicialmente em 200 escolas da rede municipal.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- Após a visita à creche, Haddad conheceu as instalações do polo da Universidade Aberta do Brasil instalado no Centro Educacional Unificado Jaçanã. O local oferece 409 vagas para cursos de bacharelado e de pós graduação.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

17/11/2014- São Paulo- SP, Brasil- Durante a vistoria, Haddad anunciou um novo edital para formação em nível superior de professores. “A Unesp, que é uma universidade pública estadual de alta qualidade, vai abrir 6.000 vagas de pedagogia para quem quer ser professor. São quatro anos de curso em licenciatura e com estas vagas vamos ter uma das maiores universidades do município nos CEUs”, afirmou o prefeito. Segundo o secretário Callegari, o curso aguarda a aprovação do Capes e deverá acontecer na maior parte dos CEUs ligados à Universidade Aberta do Brasil. Atualmente, dos 45 Ceus existentes 32 estão credenciados.

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP

Foto: Heloisa Ballarini/ Secom/ PMSP