Cunha cobra posição do governo brasileiro sobre prisão de oposicionista na Venezuela

Foto: Jefferson Bernardes/inovafoto
UFC Porto Alegre – Card Principal: Santiago Ponzinibbio X Sean Strickland
22 de fevereiro de 2015
Minado no próprio PMDB, Temer vira alvo de críticas do Planalto
23 de fevereiro de 2015
351
Compartilhe
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

23/02/2015- Brasília- DF, Brasil-  O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cobrou neste domingo, 22, pelo Twitter, um posicionamento do governo brasileiro em relação à prisão de oposicionistas ao governo da Venezuela, do presidente Nicolás Maduro. “Não dá para os países democráticos assistirem isso de braços cruzados, como se fosse normal prender oposicionista, ainda mais detentor mandato”, disse Cunha em sua conta do microblog. Cunha questionou, ainda, “até quando o Brasil ficará calado sem reagir a isso”. Na foto Presidente da Câmara, Eduardo Cunha, durante sessão para votação dos destaques do Projeto de Lei da Biodiversidade.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Na foto Dirigentes das centrais sindicais se reunem com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Foto: Rodolfo Stuckert/ Câmara dos Deputados

Foto: Rodolfo Stuckert/ Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha durante evento em São Paulo.