Defensor dos indígenas isolados, Rieli Franciscato morre com uma flecha no coração, em Rondônia

A Presidente do BCE, Christine Lagarde, explicou as decisões de política monetária do Conselho do BCE
10 de setembro de 2020
Chegada, no aeroporto, de Mano Menezes, novo técnico contratado pelo EC Bahia
10 de setembro de 2020
227
Compartilhe

Rondonia 10 09 2020 Um dos maiores sertanistas atuando com grupos de indígenas isolados na Amazônia, Rieli Franciscato, de 56 anos, foi atingido por uma flecha no coração ao se aproximar de povos sem contato por volta das 17h (horário de Brasília) desta quarta-feira (9) na região da linha 6 em Seringueiras, na divisa da Terra Indígena Uru-Eu-Wau-Wau, em Rondônia. O sertanista, que estava acompanhado de um indígena e policiais militares, foi levado para um hospital, mas já chegou sem vida.foto Funai

(Foto de Mário Vilela/Funai/2014)

(Foto de Mário Vilela/Funai/2014)