Denúncias de poluição sonora caem no final de semana em Salvador

Ronaldinho e irmão são soltos no Paraguai
24 de agosto de 2020
Soberana – A primeira vacina cubana específica contra COVID-19 iniciou os testes clínicos
24 de agosto de 2020
136
Compartilhe

Denúncias de poluição sonora caem no final de semana
Resultado é reflexo do rigor na fiscalização, que tem coibido a realização de paredões e eventos irregulares na pandemia

As denúncias de poluição sonora em meio à pandemia do novo coronavírus tiveram uma redução de quase 50% neste final de semana. Foram 1,1 mil registros de sexta (21) a domingo (23), contra 2,2 mil dos mesmos dias da semana anterior, de acordo com dados da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), que faz a fiscalização, por meio da operação Silere, com apoio de outros órgãos da Prefeitura e da Polícia Militar da Bahia (PM-BA).

De sexta a ontem, as equipes realizaram 301 vistorias, emitiram 33 autos de infração e aprenderam 144 equipamentos, sendo 90% em veículos. Duas casas de eventos clandestinas foram fechadas em Coutos e Paripe. Em Paripe, por exemplo,150 pessoas participam de uma festa na casa de eventos Chácara da Torre, que foi lacrada por infringir decretos e protocolos de isolamento social.

SECOM/Salvador

SECOM/Salvador