Desmatamento cai 16% na Amazônia Legal e 19% só no Pará

Exposição do SLU reforça importância da coleta seletiva, em Brasília
18 de outubro de 2017
Desmoronamento na orla da Praia da Macumba, no Rio
18 de outubro de 2017
1256
Compartilhe
O Governo do Pará inaugurou (foto), na manhã desta sexta-feira, 31, o Centro Integrado de Monitoramento Ambiental Gabriel Guerreiro (CIMAM), que tem como objetivo a coleta de dados e produção de conhecimento sobre os fatores que geram impacto no meio ambiente. O governador Simão Jatene, acompanhado do Ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho e de outras autoridades, participou do evento, após encontro no Palácio do Governo onde foi apresentada a plataforma de funcionamento do CIMAM. FOTO: ANTÔNIO SILVA /AG. PARÁ DATA: 31.03.2017 BELÉM – PARÁ

Dados divulgados nesta terça-feira (17) pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), apontam que o desmatamento na Floresta Amazônica (foto) apresentou uma estimativa de queda de 16% entre agosto de 2016 e julho deste ano. FOTO: CRISTINO MARTINS /AG. PARÁ DATA: 18.10.2017

Dados divulgados nesta terça-feira (17) pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), apontam que o desmatamento na Floresta Amazônica (foto) apresentou uma estimativa de queda de 16% entre agosto de 2016 e julho deste ano. FOTO: CRISTINO MARTINS /AG. PARÁ DATA: 18.10.2017

O Governo do Pará inaugurou (foto), na manhã desta sexta-feira, 31, o Centro Integrado de Monitoramento Ambiental Gabriel Guerreiro (CIMAM), que tem como objetivo a coleta de dados e produção de conhecimento sobre os fatores que geram impacto no meio ambiente. O governador Simão Jatene, acompanhado do Ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho e de outras autoridades, participou do evento, após encontro no Palácio do Governo onde foi apresentada a plataforma de funcionamento do CIMAM. FOTO: CLÁUDIO SANTOS /AG. PARÁ DATA: 31.03.2017 BELÉM – PARÁ

Dados divulgados nesta terça-feira (17) pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), apontam que o desmatamento na Floresta Amazônica (foto) apresentou uma estimativa de queda de 16% entre agosto de 2016 e julho deste ano. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA /AG. PARÁ DATA: 18.10.2017