Dia sem Impostos e protesto de caminhoneiros levam filas aos postos

Michel Temer em reunião com Ministros e Presidente da Petrobras
24 de maio de 2018
Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis
24 de maio de 2018
543
Compartilhe

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil

Brasilienses enfrentam até 4km de filas para abastecer em posto de combustíveis que vende gasolina a R$ 2,98 como parte do Dia da Liberdade de Impostos (DLI).FotoMarcelo Camargo/Agência Brasil