Estádio do Mangueirão é liberado para jogos do Campeonato Paraense

Foto: Amanda Oliveira/ GOVBA (25/01/2017)
Videomonitoramento reforça portais de segurança para o Carnaval de Salvador
26 de janeiro de 2017
Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil
Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão na casa do empresário Eike Batista, no Rio de Janeiro
26 de janeiro de 2017
920
Compartilhe
Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- O Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, está pronto para receber os jogos do Campeonato Paraense 2017, o, o Banaparazão. Após mais uma vistoria, realizada na manhã desta quarta-feira, 25, por representantes da Polícia Militar e o do Ministério Público, a Federação Paraense de Futebol (FPF) confirmou a liberação do estádio, com capacidade para receber 35 mil torcedores.

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- O Mangueirão será reaberto no próximo domingo, 29, para o jogo entre Clube do Remo e Cametá, válido pela segunda rodada do Campeonato Paraense de 2017.

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- A vistoria desta quarta-feira serviu para averiguar os últimos detalhes relacionados ao sistema de monitoramento e áreas de segurança das bordas das arquibancadas. Segundo o Tenente Coronel Oeiras, que comandou a vistoria, a análise teve objetivos bem específicos. “Basicamente, como já conhecemos a estrutura do Mangueirão, vamos focar agora na área de monitoramento da bilheteria. O laudo anterior já destacava as pendências do monitoramento, então agora vamos diretamente nesse ponto, que inclui a área do estacionamento e bilheteria”, explicou.

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- Segundo o representante do Ministério Público, Domingos Savio Alves de Campos, o objetivo era garantir segurança e conforto ao torcedor: “O Ministério Público, como fiscal da lei, e como determina o Estatuto do Torcedor, se faz presente para ver as condições do estádio Mangueirão”.

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- De acordo com Claudia Moura, diretora do Estádio Olímpico do Pará (EOP), estes últimos detalhes da preparação do Mangueirão já estão sendo sanados. “Está tudo em andamento. As pendências são mínimas e são só de complementação, de efetivação do trabalho já iniciado. Nada de pendências maiores. Tudo o que foi pedido está sendo apresentado. São alguns detalhes, pouca coisa que falta para o estádio ficar 100% pronto para domingo”, informou.

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

26/01/2017- Belém- PA, Brasil- Os laudos técnicos foram realizados pela Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária Municipal. As comissões de vistoria estiveram no estádio nos dias 17 e 25 de janeiro (Polícia Militar); dia 19 (Vigilância Sanitária, da Secretaria Municipal de Saúde) e dia 20 (Corpo de Bombeiros).

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)

Foto: Rodolfo Oliveira/ Agência Pará (25/01/2017)