Estudo: Buracos negros gigantes matam galáxias

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Sessão do Congresso Nacional analisa vetos presidenciais
25 de fevereiro de 2015
Foto: Sérgio Vale/Secom
Cidades afetadas pelas enchentes na região do Alto Acre
25 de fevereiro de 2015
432
Compartilhe
Foto: NASA/JPL-Caltech

Foto: NASA/JPL-Caltech

Foto: NASA/JPL-Caltech

Foto: NASA/JPL-Caltech

Um trabalho publicado na revista “Science” confirmou uma antiga suspeita dos astrônomos — quando esses objetos são suficientemente ativos, os ventos poderosíssimos emitidos a partir do centro galáctico são mesmo capazes de, com o tempo, dissipar todo o gás circundante. Isso, por sua vez, interrompe a produção de novas estrelas. Em outras palavras, a galáxia envelhece e, no fim das contas, morre. Na foto: Concepção artística dos ventos emanados do buraco negro no centro de uma galáxia