Família do vereador Rodrigo Cadeirante (PTN), em Minas que ganha R$ 15 mil também recebe Bolsa-Família

Foto: Camila Souza/ GOVBA (15/06/2015)
Decoração do Pelourinho para o São João 2015, em Salvador (BA)
17 de junho de 2015
Foto: Rodolfo Oliveira/ Ag. Pará (16/06/2015)
Defesa Civil de Rondon do Pará orienta moradores onde houve erosões próximas às suas casas
17 de junho de 2015
949
Compartilhe
Foto: Câmara Municipal de Montes Claros (24/03/2015)

Foto: Câmara Municipal de Montes Claros (24/03/2015)

Foto: Câmara Municipal de Montes Claros (24/03/2015)

Foto: Câmara Municipal de Montes Claros (24/03/2015)

17/06/2015-  Montes Claros-  MG, Brasil- Família de vereador em Minas que ganha R$ 15 mil também recebe Bolsa-Família.  O vereador Rodrigo Cadeirante (PTN), de Montes Claros, recebe um salário de aproximadamente R$ 15 mil. Mas, mesmo com esse valor, durante dois anos o rendimento de sua família teve um “complemento” do Programa Bolsa-Família – criado para retirar pessoas da extrema pobreza. Em levantamento realizado pela Prefeitura de Montes Claros foi descoberto que a mulher do vereador, Lusimar Veríssimo Maia, recebia R$ 147 do programa federal. O benefício foi suspenso e o caso será encaminhado ao Ministério Público Federal (MPF) e à Policia Federal (PF). Nessa terça-feira (16), durante a reunião ordinária da Câmara Municipal, Rodrigo Cadeirante alegou que não tinha conhecimento de que a mulher recebia o benefício irregularmente, mas disse que, se ela errou, “terá que pagar pelo erro”.Na foto Vereador Rodrigo Cadeirante (PTN),  durante sessão na Câmara.