Força-tarefa realiza mais de 360 mil ações fiscais em um ano de pandemia

NY – Governador Cuomo recebe vacina da Johnson & Johnson, no Harlem
17 de março de 2021
Lançamento do Programa Integra Brasil
17 de março de 2021
26
Compartilhe
Para garantir o cumprimento dos decretos contra o coronavírus em Salvador, a Prefeitura criou uma força-tarefa, liderada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e com apoio da Polícia Militar (PM-BA), que iniciou os trabalhos no dia 18 de março do ano passado. Um ano depois, já foram realizadas 366 mil ações fiscais, sendo mais de 357 mil vistorias, 8.400 interdições, 100 cassações de alvará e aproximadamente 700 aglomerações foram dispersadas.

A equipe reúne 120 fiscais da Sedur e policiais militares que se revezam em três turnos para fiscalizar todos os bairros da capital baiana. Os agentes são munidos com informações estratégicas, levantadas pelo sistema de inteligência do órgão, que faz um mapeamento para identificar os locais com o maior número de irregularidades, além das denúncias do Disque Coronavírus 160. Com esses dados, são traçados roteiros diários de fiscalização.

Há um ano, os fiscais percorrem os 170 bairros de Salvador para fazer valer os decretos que tem como objetivo reduzir a disseminação da Covid-19 e, sobretudo, salvar vidas. Apesar do trabalho ostensivo, as equipes se deparam diariamente com irregularidades. Os estabelecimentos que mais infringem as regras são os bares, restaurantes, salões de beleza e barbearias. Entre os bairros que lideram o ranking de descumprimento dos decretos estão Cajazeiras, Pernambués, São Marcos, Itapuã, Fazenda Grande do Retiro e Boca do Rio.