Haddad defende Enem como novo método para atrair estudantes de todo o Brasil para a Universidade

Foto: Laycer Tomaz/ Agência Câmara
Ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró é condenado a cinco anos de prisão
26 de maio de 2015
Foto: Roberto Stuckert Filho/ PR
Presidenta Dilma Rousseff durante reunião com empresários brasileiros, no México
26 de maio de 2015
435
Compartilhe
Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

26/05/2015 – O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, palestrou nesta segunda-feira (25) durante a abertura do 1º Congresso de Graduação, promovido pela Universidade de São Paulo (USP) no Centro de Convenções Rebouças, zona oeste da cidade. Durante o evento, Haddad defendeu a inclusão do Enem como um novo método de acesso à instituição.

“Se nós temos o Enem podemos imaginar uma forma de utilizá-lo no sentido de buscar jovens talentos, como as olimpíadas de matemática e português, que mostram que eles estão em todo o território nacional, concentrados em algumas regiões, mas presente em todas. Isso significa que nós podemos atrair jovens de todo o Brasil, que terão muito orgulho de fazer uma graduação em São Paulo, na USP”, afirmou Haddad.

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Foto: Leon Rodrigues / Secom

Na abertura, participaram os professores Antonio Carlos Hernandes, pró-reitor de graduação e presidente do congresso, Carlos Vogt, presidente da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), Edmund Chata Baracat, pró-reitor adjunto de Graduação, José Otavio Costa Auler Junior, pró-reitor de Graduação da Faculdade de Medicina, além do reitor da universidade, o professor Marco Antônio Zago.