Herbig-Haro, local de nascimento de novas estrelas

Argentina inicia vacinação contra o Coronavírus
29 de dezembro de 2020
Através de uma bola de cristal
29 de dezembro de 2020
62
Compartilhe

Situada dentro de nossa galáxia natal, a Via Láctea, este objeto Herbig-Haro é um turbulento local de nascimento de novas estrelas em uma região conhecida como complexo de nuvem molecular Orion B, localizada a 1.350 anos-luz de distância.

Os objetos Herbig-Haro (HH) são manchas brilhantes de nebulosidade associadas a estrelas recém-nascidas que se formam quando jatos estreitos de gás parcialmente ionizado ejetado por estrelas colidem com nuvens próximas de gás e poeira. Esta imagem do Herbig-Haro Jet HH 24 foi obtida pelo Telescópio Espacial Hubble em 2015.

Quando as estrelas se formam dentro de nuvens gigantes de hidrogênio molecular frio, parte do material ao redor entra em colapso sob a gravidade para formar um disco rotativo achatado que circunda a estrela recém-nascida.

Embora mais tarde os planetas congelem no disco, neste estágio inicial a proto-estrela está se alimentando do disco com um apetite voraz. O gás do disco chove sobre a proto-estrela e a ingurgita. O material superaquecido se espalha e é disparado para fora da estrela em direções opostas ao longo de uma rota de fuga organizada – o eixo de rotação da estrela.

As frentes de choque se desenvolvem ao longo dos jatos e aquecem o gás circundante a milhares de graus Fahrenheit. Os jatos colidem com o gás e a poeira ao redor e desobstruem vastos espaços, como uma corrente de água que penetra em uma colina de areia.
Crédito da imagem: NASA, ESA, Hubble Heritage (STScI / AURA) / Hubble-Europe (ESA) Collaboration, D. Padgett (GSFC), T. Megeath (Universidade de Toledo) e B. Reipurth (Universidade do Havaí)

NASA / ESA