Imóveis têm queda real em São Paulo e no Rio de Janeiro

Foto: Cesar Brustolin/SMCS
Jardim Botânico, de Curitiba, completa 23 anos neste mês de outubro
3 de outubro de 2014
Foto: Elza Fiúza/ABr
Eleições 2014: saiba como utilizar a urna eletrônica
3 de outubro de 2014
379
Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

03/10/2014 – Brasil – A alta nos preços dos imóveis perdeu força pelo décimo mês consecutivo em setembro. Na comparação com agosto, o preço do metro quadrado subiu 0,55% na média das 20 cidades pesquisadas, segundo pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). Em São Paulo e no Rio de Janeiro, no entanto, o preço do metro quadrado teve queda real, segundo a Fipe. Isso porque a alta registrada em setembro foi de 0,4% – abaixo dos 0,43% da inflação esperada para o mês. Na foto: Cidade do Rio de Janeiro vista do Alto.

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

03/10/2014 – Brasil – Apesar da desaceleração dos preços nas duas maiores cidades do país, Rio de Janeiro e São Paulo ainda têm o metro quadrado mais caro entre os locais pesquisados – R$ 10.793 e R$ 8.277, respectivamente. Os dois municípios que apresentaram os menores preços foram Contagem (R$ 3.316) e Goiânia (R$ 3.964). Na foto: Cidade de São Paulo.

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Na foto: Cidade de São Paulo.

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Na foto: Cidade de São Paulo.