Jilmar Tatto, candidato à prefeitura de São Paulo, durante votação