Marcha em Montevidéu para acabar com a violência contra as mulheres

Mostra Seiva apresenta shows, teatro e exposições premiados, no Pará
5 de dezembro de 2017
Caravana do ex-presidente Lula no Espírito Santo
5 de dezembro de 2017
461
Compartilhe

No Uruguai, os representantes da ONU Mulheres, juntamente com Luiza Carvallo, Diretor Regional das Mulheres da ONU para a América Latina e o Caribe, se juntaram a uma marcha em Montevidéu para acabar com a violência contra as mulheres. Duas marchas simultâneas ao longo da “avenida 18 de Julio”, organizada por um Colectivo da Sociedade Civil, Mujeres de Negro e Mulheres Feministas da EFLAC, reuniram mais de seis mil pessoas. As marchas terminaram na prefeitura da cidade onde Minou Tavárez Mirabal lê uma proclamação. Além da advocacia e conscientização, a UN Women fez parceria com o governo, a sociedade civil e duas organizações locais de futebol para organizar uma oficina de prevenção da violência com jovens mulheres jogadores de futebol em Colonia Valdense.

Os 16 dias de ativismo contra a violência baseada no gênero, uma campanha global que vai de 25 de novembro a 10 de dezembro, está ocorrendo este ano, com o pano de fundo de um clamor mundial sem precedentes. Milhões se reuniram atrás do hashtag #MeToo e outras campanhas, expondo a grandeza do assédio sexual e outras formas de violência que as mulheres em todos os lugares sofrem todos os dias. Romper o silêncio é o primeiro passo para transformar a cultura da violência baseada no gênero.

No coração do tema deste ano, “Não deixe ninguém para trás – acabar com a violência contra as mulheres”, para o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres (25 de novembro) e a celebração da UNITE sobre os 16 Dias de Ativismo para Acabar com a Violência contra a Mulher (25 de novembro a 10 de dezembro), é o imperativo de apoiar aqueles que são particularmente vulneráveis. A Campanha UNiTE está convidando todos a se juntarem ao movimento para acabar com a violência contra as mulheres, usando a cor laranja para tornar sua ação visível.