Ministro Luís Barroso defende debate sobre descriminalização da maconha

Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil
Ato ecumênico realizado no Rio de Janeiro, homenageia o ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela
19 de dezembro de 2013
Foto: Edson Lopes Jr./ GESP
Policiais de São Paulo receberão bônus por redução na criminalidade
19 de dezembro de 2013
470
Compartilhe
Foto: Carlos Humberto/ SCO/ STF

Foto: Carlos Humberto/ SCO/ STF

Foto: Carlos Humberto/ SCO/ STF

Foto: Carlos Humberto/ SCO/ STF

Brasília- DF, 19/12/2013- O ministro Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal afirmou hoje (19/12), que a criminalização da posse de pequenas quantidades de droga dá poder aos traficantes. Barroso posicionou-se a favor de penas menores para detentos acusados de portar pouca quantidade de entorpecentes quando têm bons atendentes criminais. Durante julgamento de um pedido de redução de pena de dois condenados por tráfico de drogas, Barroso explicou que a maioria dos presos do país não é perigosa, é ré primária, e sai das cadeias graduada em criminalidade.