Na safra 2020/2021, os camponeses e as camponesas do MST estimam colher mais de 40 toneladas de soja orgânica. Uma média de 700 sacas do produto.

Ladeira Porto Geral e 25 de Março na fase vermelha com mais restrições em São Paulo
12 de março de 2021
Governador em exercício, Claudio Castro, concede coletiva de imprensa junto a Prefeitos e Secretários no Palácio Guanabara.
12 de março de 2021
111
Compartilhe

Mato Grosso MS 12 03 2021-Os assentamentos do Mato Grosso do Sul iniciaram neste ano um projeto com a duração de cinco anos com as famílias assentadas no MST. A iniciativa combate às formas de produção do agronegócio, produzindo soja orgânica em cerca de 14 hectares de terra no assentamento Itamarati. Na safra 2020/2021, os camponeses e as camponesas estimam colher mais de 40 toneladas de soja orgânica. Uma média de 700 sacas do produto. Historicamente, o agronegócio e seu modelo de produção é forte em todo o país, por conta da articulação com o poder econômico, político e cultural. Na região Centro-Oeste, essa articulação tem se intensificado nas áreas de assentamentos. Na contramão desse modelo, o MST tem apresentado a importância do combate ao modelo de produção do agronegócio, apontando alternativas com a produção de soja orgânica em nossas áreas.Foto Noemi Pacheco

Na safra 2020/2021, os camponeses e as camponesas do MST estimam colher mais de 40 toneladas de soja orgânica. Uma média de 700 sacas do produto.