Temer durante reunião com diretores das Federações de Indústria e de Comércio
26 de abril de 2018
Sessão plenária jurisdicional do TSE. Brasília-DF,26/04/2018
26 de abril de 2018
853
Compartilhe

Esta é a foto do infravermelho próximo do Hubble desse mesmo objeto. É uma boa espiada no que o Telescópio Espacial James Webb, que é otimizado para luz infravermelha, poderá nos mostrar.

 
Uma abundância de estrelas preenche o campo de visão. A maioria deles é mais distante, estrelas de fundo localizadas atrás da própria nebulosa. No entanto, algumas dessas pontinhas de luz são estrelas jovens dentro da Nebulosa da Lagoa. Manchas escuras conhecidas como glóbulos de Bok marcam as partes mais espessas da nebulosa. Embora o Hubble não consiga penetrar esses aglomerados empoeirados, o Webb poderá enxergá-los. Nebulosas como estas são essencialmente berçários estelares – Webb será capaz de ver as estrelas e os sistemas planetários que estão se formando dentro das nuvens de poeira e gás.

NASA