O primeiro-ministro do Iraque Adel Abdul-Mahdi, durante sua participação no funeral dos mártires da multidão popular, que aconteceu em Bagdá nesta manhã