Operação Amazônia Viva flagra crimes ambientais em Uruará e Pacajá

Vladimir Putin durante reunião com membros permanentes do Conselho de Segurança
17 de julho de 2020
Mais 20 leitos de UTI começam a funcionar em hospital de campanha na Paralela
17 de julho de 2020
176
Compartilhe

Madeira ilegal, equipamentos e armas foram apreendidos por fiscais da Semas e policiais civis e militares
Cinco flagrantes foram registrados nas primeiras 24 horas da segunda etapa da Operação Amazônia Viva no Pará. No município de Uruará, a 633 km de Belém, na região oeste, fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e policiais militares do Batalhão Ambiental (BPA) flagraram na noite de quarta-feira (15), dois caminhões transportando estacas de madeira. Um dos veículos era conduzido por Carlos Alberto Almeida, 60 anos, que foi levado para a Delegacia de Uruará junto com outra pessoa que estava no caminhão. O veículo continha 550 estacas, o equivalente a 30 metros cúbicos de madeira.

ASCOM/SEMAS

ASCOM/SEMAS