Operação Áugias: Ibama divulga relatório de vistoria em áreas impactadas pelo rompimento da Barragem de Fundão

Abertura do seminário Mulheres na Justiça
26 de outubro de 2017
Cerimônia de Assinatura de Contrato de Financiamento com o Município do Rio de Janeiro
26 de outubro de 2017
1125
Compartilhe

Operação Áugias, Julho/2016 Gesteira, distrito de Barra Longa - MG, atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco. Foto: Felipe Werneck - Ascom/Ibama

Operação Áugias: Ibama divulga relatório de vistoria em áreas impactadas pelo rompimento da Barragem de Fundão. Brasília (26/10/2017) – O Ibama divulga nesta quinta-feira (26/10) relatório de nova fase da Operação Áugias, que há dois anos realiza vistorias na região impactada pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG). O relatório abrange o trecho de 102 km mais afetado pelo desastre de 5 de novembro de 2015, da barragem da mineradora Samarco até a Usina Hidrelétrica Risoleta Neves, no Rio Doce (MG). Em agosto, analistas ambientais percorreram 109 afluentes do Doce. Equipes estão em campo para monitorar outros trechos impactados.Foto: Vinícius Mendonça / Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Vistoria do trecho atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Vistoria do trecho atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Vistoria do trecho atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Gesteira, distrito de Barra Longa – MG, atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Vistoria do trecho atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Vistoria do trecho atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama

Operação Áugias, Julho/2016 Reservatório da Usina Hidrelétrica Risoleta Neves (Candonga) atingido pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Santa Cruz do Escalvado, Minas Gerais. Foto: Felipe Werneck – Ascom/Ibama