Pesquisadores monitoram população de aves pelo canto, no Paraná

Estudantes homenageiam Luiz Gonzaga em peça de teatro sobre vida e obra do rei do Baião
29 de agosto de 2017
Ministros do MMA e do MME em coletiva sobre a Renca
29 de agosto de 2017
795
Compartilhe

28/08/2017- Londrina- Pesquisadores do Laboratório de Ecologia das Aves, do Centro de Ciências Biológicas (CCB) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) promovem um trabalho diferenciado para medir a população de pássaros nas flores do Estado: as espécies são identificadas pelo canto. A solução foi encontrada uma vez que é impossível a observação visual em áreas de floresta. Para entender a dimensão e complexidade do trabalho, o estudo considera 350 espécies existentes nos fragmentos em análise, das 700 aves cadastradas no Paraná. O Brasil tem hoje aproximadamente 1.700 espécies. Foto: UEL

28/08/2017- Londrina- Pesquisadores do Laboratório de Ecologia das Aves, do Centro de Ciências Biológicas (CCB) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) promovem um trabalho diferenciado para medir a população de pássaros nas flores do Estado: as espécies são identificadas pelo canto. A solução foi encontrada uma vez que é impossível a observação visual em áreas de floresta. Para entender a dimensão e complexidade do trabalho, o estudo considera 350 espécies existentes nos fragmentos em análise, das 700 aves cadastradas no Paraná. O Brasil tem hoje aproximadamente 1.700 espécies.
Foto: UEL

28/08/2017- Londrina- Pesquisadores do Laboratório de Ecologia das Aves, do Centro de Ciências Biológicas (CCB) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) promovem um trabalho diferenciado para medir a população de pássaros nas flores do Estado: as espécies são identificadas pelo canto. A solução foi encontrada uma vez que é impossível a observação visual em áreas de floresta. Para entender a dimensão e complexidade do trabalho, o estudo considera 350 espécies existentes nos fragmentos em análise, das 700 aves cadastradas no Paraná. O Brasil tem hoje aproximadamente 1.700 espécies.
Foto: UEL

28/08/2017- Londrina- Pesquisadores do Laboratório de Ecologia das Aves, do Centro de Ciências Biológicas (CCB) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) promovem um trabalho diferenciado para medir a população de pássaros nas flores do Estado: as espécies são identificadas pelo canto. A solução foi encontrada uma vez que é impossível a observação visual em áreas de floresta. Para entender a dimensão e complexidade do trabalho, o estudo considera 350 espécies existentes nos fragmentos em análise, das 700 aves cadastradas no Paraná. O Brasil tem hoje aproximadamente 1.700 espécies.
Foto: UEL