Polícia recupera todas as armas roubadas do IML de Castanhal, no Pará

    86
    03.07.2017- BELÉM- PARÁ- A Polícia Civil prendeu quatro acusados de envolvimento no assalto à Unidade Regional do Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves”, no município de Castanhal, nordeste paraense, que resultou no roubo de armas recolhidas para perícia. As prisões ocorreram nas cidades de Castanhal e Terra Alta, na mesma região. Os policiais recuperaram 85 armas e munição.
    FOTO: ASCOM / POLÍCIA CIVIL/FotosPúblicas
    03.07.2017- BELÉM- PARÁ- A Polícia Civil prendeu quatro acusados de envolvimento no assalto à Unidade Regional do Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves”, no município de Castanhal, nordeste paraense, que resultou no roubo de armas recolhidas para perícia. As prisões ocorreram nas cidades de Castanhal e Terra Alta, na mesma região. Os policiais recuperaram 85 armas e munição.
    FOTO: ASCOM / POLÍCIA CIVIL/FotosPúblicas
    03.07.2017- BELÉM- PARÁ- A Polícia Civil prendeu quatro acusados de envolvimento no assalto à Unidade Regional do Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves”, no município de Castanhal, nordeste paraense, que resultou no roubo de armas recolhidas para perícia. As prisões ocorreram nas cidades de Castanhal e Terra Alta, na mesma região. Os policiais recuperaram 85 armas e munição. Na foto, o delegado-geral Rilmar Firmino.
    FOTO: ASCOM / POLÍCIA CIVIL/FotosPúblicas
    03.07.2017- BELÉM- PARÁ- A Polícia Civil prendeu quatro acusados de envolvimento no assalto à Unidade Regional do Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves”, no município de Castanhal, nordeste paraense, que resultou no roubo de armas recolhidas para perícia. As prisões ocorreram nas cidades de Castanhal e Terra Alta, na mesma região. Os policiais recuperaram 85 armas e munição. Os presos e o produto das apreensões foram apresentados nesta segunda-feira (3), na Delegacia-Geral de Polícia Civil, em Belém (foto), em entrevista coletiva concedida pelo delegado-geral Rilmar Firmino, e pelos delegados Silvio Maués, diretor de Polícia Especializada, e João Bosco Rodrigues, diretor de Polícia do Interior.
    FOTO: ASCOM / POLÍCIA CIVIL/FotosPúblicas