Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, entrega nova estação de tratamento de esgoto da zona oeste

Foto: Valter Campanato/ Agência Brasil
Fiéis confeccionam o tapete de Corpus Christi em Brasília
26 de maio de 2016
Foto: Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians
Campeonato Brasileiro 2016: Corinthians e Ponte Preta, na arena Corinthians, em São Paulo
26 de maio de 2016
468
Compartilhe
Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

26/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- O prefeito Eduardo Paes entregou para a população carioca mais um legado ambiental dos Jogos Olímpicos Rio 2016: a Nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Zona Oeste para tratar efluentes de sete bairros (Bangu, Deodoro, Realengo, Padre Miguel, Magalhães Bastos, Jardim Sulacap e Vila Militar).

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

26/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Com capacidade de atendimento a 430 mil pessoas, a estação, localizada em Deodoro, é a maior dentro da concessão de saneamento da Área de Planejamento 5 (AP5), que abrange 21 bairros, o que corresponde a 48% do território municipal.

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

26/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- A partir de novembro, quando atingir sua capacidade plena de trabalho, 65 milhões de litros de esgoto deixarão de ser despejados diariamente na Baía de Guanabara –  equivalente ao esgoto coletado e tratado na cidade de Niterói.

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

26/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Com a entrega, a prefeitura cumpre os seus dois compromissos ambientais olímpicos: o saneamento de 100% da região da Bacia do Rio Marangá – a mais populosa da Zona Oeste – e a criação do Centro de Tratamento de Resíduos de Seropédica, feita em 2012, após a extinção do Lixão de Gramacho.​

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ

Foto: Beth Santos/ PCRJ