Prefeito sanciona projeto de Lei de privatização da SPTuris

Abertura  do acervo  presidencial do ex-presidente Lula no galpão do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
21 de dezembro de 2017
Projeto da nova ciclovia do metrô foi apresentado em reunião no estádio de Pituaçu, na Bahia
21 de dezembro de 2017
361
Compartilhe
20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM

20/12/2017- O prefeito João Doria sancionou nesta quarta-feira (20) a lei que autoriza a Prefeitura de São Paulo a alienar a sua participação societária na São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), empresa municipal de turismo e eventos. A privatização do ativo integra o Plano Municipal de Desestatização (PMD), que deve trazer um impacto financeiro de R$ 5 bilhões até 2020, referente à desoneração, receita, arrecadação tributária e investimentos. Foto: LEON RODRIGUES/SECOM