Protesto contra a Copa reúne cerca de 500 pessoas em São Paulo

Foto: State Department photo/ Public Domain
Secretário de Estado Americano, John Kerry, visita montagem da Expo Milão 2015
27 de março de 2014
Foto: Paulo Pinto / Analitica
Ex-ministro Alexandre Padilha visita as cidades de Paulicéia e Junqueirópolis no interior paulista
27 de março de 2014
438
Compartilhe
Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

São Paulo- SP, 27/03/2014- Cerca de 500 pessoas participam de uma manifestação contra os gastos e a realização da Copa do Mundo no Brasil. O protesto ocorreu na avenida Paulista. A manifestação saiu da praça do Ciclista.

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

São Paulo- SP, 27/03/2014- Cerca de 500 pessoas participam de uma manifestação contra os gastos e a realização da Copa do Mundo no Brasil. O protesto ocorreu na avenida Paulista. Na foto, comerciante fecha a porta de loja, com medo de depredações.

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

São Paulo- SP, 27/03/2014- Cerca de 500 pessoas participam de uma manifestação contra os gastos e a realização da Copa do Mundo no Brasil. O protesto ocorreu na avenida Paulista. Na foto, manifestantes mostram faixa de protesto contra a morte da empregada doméstica Claudia Ferreira.

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

São Paulo- SP, 27/03/2014- Cerca de 500 pessoas participam de uma manifestação contra os gastos e a realização da Copa do Mundo no Brasil. O protesto ocorreu na avenida Paulista. Na foto, grupo de Black Blocs tentam fechar a avenida paulista, no sentido Consolação.

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

São Paulo- SP, 27/03/2014- Cerca de 500 pessoas participam de uma manifestação contra os gastos e a realização da Copa do Mundo no Brasil. O protesto ocorreu na avenida Paulista. Na foto, soldados da polícia militar fazem o cordão de isolamento para evitar que a passeata se disperse pela avenida.

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas