Riacho Fundo II recebe mais de 5 mil mudas do Cerrado, em Brasília

Câmara discute MP de incentivo à indústria petrolífera
30 de novembro de 2017
Ordem manuscrita assinada por Kin Jong Un para lançamento de míssil intercontinental
30 de novembro de 2017
517
Compartilhe

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

29/11/2017- Riacho Fundo II, Brasília, DF, Brasil- Para recuperar áreas verdes degradadas no Riacho Fundo II, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) plantou 5.550 mudas de 30 diferentes espécies do Cerrado, como ipê-amarelo e araçá. A operação ocorreu em uma área de 3,5 hectares da região administrativa, como contrapartida pelo parcelamento do solo para a construção do Residencial Parque do Riacho, parte do programa Habita Brasília. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília